A Quiropraxia na redução dos efeitos da Enxaqueca por Iraíma Fadanelli

Posted by on nov 28, 2014 in Sem categoria | Comentários desativados

A dor de cabeça é um sintoma que a maioria das pessoas já vivenciou, mas há pessoas

que convivem com ela frequentemente.Um dos seus subtipos é a Enxaqueca, uma doença 

neurológica, genética e crônica, que apesar de se apresentar como uma forte dor, pode

associar outros sintomas como sensibilidade à luz, náuseas, vômitos, sintomas visuais,

formigamento, tonturas e dormências no corpo, as famosas “auras da enxaqueca”.

Embora menos comum, a enxaqueca está presente em 15% dos brasileiros e tende a

ser mais séria e incapacitante do que uma dor de cabeça comum do tipo tensional. Pesquisas

recentes mostram que a maioria dos indivíduos que apresentam enxaqueca tem suas

habilidades ocupacionais afetadas, e 43% acabam se ausentando do trabalho por este motivo

(JENSEN, STOVNER, 2008). Segundo a Sociedade Brasileira de Cefaleias, os analgésicos não

tratam a sua causa, apenas aliviam a intensidade e duração das crises, uma vez que já

presentes, fazendo com que o uso desses analgésicos possa cronificar e agravar o quadro,

tornando-o mais resistente e frequente. Apesar de sinalizar uma condição séria, na maioria

dos casos, as dores podem ser administradas através de acompanhamento médico e

tratamentos não medicamentosos (KURTH et al., 2011).

Este tema vem gerando inúmeros estudos científicos e cada vez mais evidências

comprovam os benefícios da Quiropraxia no seu tratamento. Em muitos casos as dores iniciam

a partir de uma disfunção biomecânica ou tensão muscular, é exatamente onde a Quiropraxia

atua. Através de uma avaliação específica, o complexo funcional e estrutural da coluna é

avaliado, as alterações são identificadas e gerenciadas através de procedimentos quiropráticos

que objetivam tratar a causa do problema, reestabelecendo a função fisiológica e a integridade

do movimento. O estudo de JAHANGIRI et al. 2012, ressalta essa afirmação, demonstrando

uma redução de 68% na intensidade das dores de cabeça através de técnicas manipulativas

como a Quiropraxia e a massagem.

Como grande benefício, a Quiropraxia trata a dor de cabeça sem os efeitos colaterais

das drogas, agindo na causa do problema, reparando os danos causados pela disfunção e

devolvendo maior potencial articular à estrutura. A melhora dos sintomas então acontece de

dentro para fora. Com o movimento articular restaurado, ocorre a normalização da

integridade neuroarticular, o que permite que o sistema nervoso funcione sem interferências e

tenha como consequência a redução dor.

Se você tem dores de cabeça frequentes, saiba que há mais para ser feito do que

tomar remédios que podem prejudicar o seu organismo. Através da Quiropraxia, é possível

priorizar o tratamento preventivo e reduzir a frequência e a intensidade das dores. A

enxaqueca não é uma simples dor de cabeça. Tratá-la significa cuidar de você e da sua saúde

como um todo.

Referências Bibliográficas

JAHANGIRI JN, VATANKHAH N, and BARADARAN HR. Reduction of Current Migraine Headache

Pain Following Neck Massage and Spinal Manipulation. Journal of Therapeutic Massage and

Bodywork. 5(1): 5–13, 2012;

KURTH, T.; et al.; Headache, migraine, and structural brain lesions and function: population

based Epidemiology of Vascular Ageing-MRI study. Brtitish Medical Journal. V. 342. 2011.

JENSEN, R.; STOVNER, L.; Epidemiology and comorbidity of headache. Lancet Neurology. V.7.

Sociedade Brasileira de Cefaleia, http://www.sbce.med.br., 2014.